21/07/2009

PETER E A TUA VOZ



Quem és tu? Quem és tu, que não te conheço? Que voz é essa que ouço ao telefone? Não reconheço a tua voz. És mesmo tu? Quem és tu? Esse não era o tom que acariciava o meu ouvido. Essa não a voz que abraçava os meus olhos. Quem és tu? Existe uma espécie de parede invisivel de gelo seco que divide a rede dos nossos telemóveis. Tens a certeza que és tu, que estás a atender o teu telefone? Os teus lábios meigos, os teus olhos doces, não os vejo, não reconheço nesse telefone. E quero partir essa parede gelada, mas temo que ao quebra-a, não sejas tu que estejas desse lado. Estás tão diferente que ia jurar que tu, não és tu. Desligamos os telefones. Fecho os olhos. Quem és tu? E sonho contigo, com essa voz que um dia me acariciava o coração.

8 comentários:

korrosiva disse...

Pedrocas... há actos que fazemos que não matam mas moem!
Deixa sarar, meter constantemente o dedo na ferida talvez não seja o melhor.

beijinhoss

PEDRO PINA disse...

korrosiva: tens razao..., sou tao masokista nao sou?...e se eu aprendesse a fikar calado e kieto? as tantas fazia-m bem melhor..., ontem pensei em ir ter ctg ao fim da tarde à loja..., ainda tas la?...nao sei pk...nao fui....

Green Eyes disse...

Concordo com a Kor, mas ficar calado por vezes não é fácil... fica a moer-nos por dentro...

beijinhos

PEDRO PINA disse...

Green Eyes: pk calado a pensar nakela outra voz k reconheciamos... fika o pensamento a remoer!... e pensamentos a remoer sao piores k trituradoras!

korrosiva disse...

Claro que estou... onde querias que estivesse???
Lol

Oh menino Pedro, gaste essa energia toda na 365 boa???

Estão a pedir textos... SIGA!!!!

PEDRO PINA disse...

korrosiva: desculpa!...saí as 18h e pensei mxm em ir ver-te... :(

olha a 365 nao me liga nenhuma porra! ja enviei akeles 2!

mas vou escrever-lhes mais um!
vou ser xato k hei-de vence-los plo poder das minhas palavras! afinal nao escrevo assim tao mal....axo!

Maria disse...

Eu se ficar calada...rebento. Também tenho que falar, e não ´r que alivia??

Beijoo
Maria

PEDRO PINA disse...

Maria: eu tou kuase a rebentar de tanto aguentar...por isso é k este blog uktimamente parece um vómito de emoçoes em catadupla do meu cerebro à minha alma, despejando o meu coraçao!