14/08/2009

PETER E OS 5 PEDROS


Existe essa imagem que vejo no espelho, que talvez seja eu, que talvez exista e seja real. Talvez seja o verdadeiro Eu. Fecho os olhos e a imagem que vejo na minha mente é a imagem que tenho de mim. Uma imagem pequena, fragil. É uma imagem muito parecida com a imagem que acredito que os outros têm de mim. Mas esse eu, não é o eu que quero projectar. Quero um Eu forte, que os outros vejam uma imagem grande. No entanto existe um quinto eu, a imagem que os outros têm de mim. Essa, desconheço-a, apesar de achar que se assemelha à pequena imagem que tenho de mim mesmo. Existo eu, a imagem que tenho de mim mesmo, a imagem que os outros têm de mim, a imagem que acho que os outros têm de mim, e a imagem que gostaria de projectar. E essa imagem que vejo no espelho, esse Eu real, quem é?

5 comentários:

S* disse...

Somos sempre complexo. Um Eu onde vivem vários Eu, alguns deles desconhecidos mesmo para nós mesmos.

PEDRO PINA disse...

S*: sim, porque dentro do meu Eu e da imagem k tenho de mim mesmo, existem muitos Eus....alguns k me surpreendem, outros de facto desconheço

Mokas disse...

obrigado pela visita =)
muito bom blog!
vou assinar...
passarei com mais calma para escavar os arquivos ;o)
Abraço

PEDRO PINA disse...

Mokas: obrgd! passa, vai escavando k eu ja andei a fazer o mxm no teu e gostei bastante! abraço

izzie disse...

Também faço essa pergunta... muitas e muitas vezes... e a resposta interna varia consoante com os dias...
Tudo porque somos complexos... somos muitos, muitas partes, muitos passados...
Forte, fraco... pequeno, grande.. somos uma soma, única, mas feita de retalhos.

Beijinhos,