13/03/2010

PETER E O PRIMEIRO ANDAR


O escuro de uma sub-cave é irrespirável. Olha-se o chão, temendo que a distância do tecto encolha sem avisar. Os olhos fecham-se. A respiração conta números inexistentes. No último número, antes mesmo de desenhar o infinito irrespirável, os olhos abrem-se. As unhas gravatam terra na urgência de uma luz. O corpo eleva-se. A luz sépia de um rés-do-chão guarda o indício da existência de escadas caminhaveis. Lentamente os dedos dos pés exercem uma espécie de força sobre o frio de cada degrau. Ao ascender dos degraus, os números da respiração descendem. Existe um imenso espaço vazio forrado a janelas, no primeiro andar. Os dedos das mãos, ainda com restos da memória da terra da sub-cave, abrem ansiosamente as portadas de uma das janelas. Um corredor de luz atravessa todo o primeiro andar. Os olhos contam as janelas paralelas. É urgente abri-las. Uma a uma. Estou ainda apenas no primeiro andar.

12 comentários:

continuando assim... disse...

Vamos acelerar!!!

A pedido dos seguidores, e porque a história de Alice ainda só agora começou, vamos acelerar a publicação dos capítulos.

A partir de hoje , irei postar um capítulo por dia.

E porque toda a história é uma montanha russa, o final ...poderá ser uma surpreendente e motivadora surpresa.

Obrigada a todos os que me seguem.
Um convite especial para quem ainda não visitou a história de Alice
Mais logo o capítulo 7
lá no

... continuando assim...

bj
teresa

Korrosiva disse...

Um beijinho ENORME de parabéns!
(atrasados... sorry)

PEDRO PINA disse...

continuando assim: pareceç-me um optimo comentário ao meu post!

PEDRO PINA disse...

Korrosiva: atrasados mas vivos! obrgd! saudades tuas!

a menina tem facebook?

Korrosiva disse...

Nop, Pedrocas.. não uso disso, mas tenho tlm ;p

beijinhoss

PEDRO PINA disse...

perdi o teu tel... :(
manda.m um sms asssinado please please!

Korrosiva disse...

E o meu email também perdeste???
Feioso!!

beijinhoss
Ja te mando a sms ;)

S* disse...

Pouco a pouco... grão a grão...

Nelson Soares disse...

Ai este "continuando assim" já me começa a enervar!!!


Cruzes!



Mais um texto lindo...


Stay Well

PEDRO PINA disse...

S* :
Pouco a pouco!

PEDRO PINA disse...

Nelson Soares: nao te enerves, stay ccol!

Brancamar disse...

Pedro,

Para quem chegou já ao primeiro andar forrado a janelas, nada mau.
Se uma só janela aberta se transforma num corredor de luz, que atravessa todo o andar, significa que janela a janela, degrau a degrau, por outros andares, todo o prédio será conquistado.

Eu ainda não conquistei tudo, quero aprender até morrer e não sei ainda quantos andares vou subir, quantos vou descer, virei por aqui para aprender como se faz, :), porque o importante é mudar, crescendo.

Beijos
Branca